Passar para o Conteúdo Principal

Limpeza de matas e queima de sobrantes

Limpeza de Matas

limpezadasmatas2_Deverá manter limpa de matos/silvas uma faixa de pelo menos 50 metros junto às edificações (habitações estaleiros, armazéns, oficinas, fábricas);

Junto às edificações não poderão ocorrer quaisquer acumulações de lenha, madeira ou sobrantes de exploração florestal ou agrícola, bem como de outras substâncias altamente inflamáveis.

Decreto - Lei nº 124/06 de 28 de Junho

 

 

limpezadasmatas3_As copas das árvores e dos arbustos deverão estar distanciadas no mínimo 5 metros da edificação e nunca se poderão projectar sobre o seu telhado.

Decreto - Lei nº 124/06 de 28 de Junho

 
Queima de Sobrantes

Em todos os espaços rurais fora do período crítico ( 01 Outubro a 30 Junho) sempre que se verifique risco de incêndio muito elevado e máximo não é permitido realizar fogueiras de qualquer tipo (recreio, lazer, alimentação), assim como queimar matos cortados e amontoados ou qualquer outro tipo de sobrantes da exploração (nº 2 do artigo 28º do Decreto-Lei nº 124/2006 de 28 de Junho).

Consulte no próprio dia o Gabinete Técnico Florestal, para saber se há risco de incêndio elevado ou máximo.

Cuidados a ter em consideração:

  • Escolha dias chuvosos (de bastante humidade e sem vento) para proceder à queima de sobrantes
  • Queime logo pela manhã ou no final da tarde e no final molhe as cinzas de modo a certificar-se que tudo fica apagado
  • Acenda poucos e pequenos montes de sobrantes de cada vez, no sentido de cima para baixo no terreno
  • Limpe o terreno numa faixa de pelo menos 5 metros à volta da referida fogueira
  • Comunique aos Bombeiros Voluntários e Guarda Nacional Republicana de Sever do Vouga, o dia e local onde pretende efectuar a queima de sobrantes.